Fotos cedidas ao Farol de Notícias- Publicado às 13h48 desta quinta-feira (30)

Em tempos de relacionamentos cada vez mais frágeis e curtos, um casal de serra-talhadenses dá exemplo de amor e união ao comemorar 72 anos de matrimônio. Os aposentados Eufrausino Pedro dos Santos, 91 anos, e Maria do Socorro Santos, de 87 anos se casaram-se em 29 de novembro 1945, poucos meses após o fim da 2ª Guerra Mundial.

Em contato com o Farol de Notícias, o cirurgião dentista e faroleiro, Luiz Carlos dos Santos, contou um pouco da trajetória dos pais que são primos legítimos. Casaram-se ainda muito jovens, ele tinha 19 anos e ela apenas 15, mas dessa união nasceram 16 filhos, que hoje somente nove estão vivos.

“Meu pai fez de tudo na vida. Era agricultor e mudou-se para Calumbi, onde nasceram a maioria dos filhos e lá trabalhou com ferraria. Depois foi fotógrafo profissional, ainda tenho vários equipamentos dele em madeira. Foi comerciante, destilador de bebidas e dono de um alambique, mestre de obras e por último motorista de caminhão até chegar a sua aposentadoria”, contou com orgulho o filho, completando sobre a mãe:

“Ela sempre foi dona de casa, até porque paria a cada ano praticamente, a impossibilitando de exercer qualquer outra atividade. Esposa dedicada, viveu praticamente para a criação dos filhos e cuidar do marido, que maioria do tempo, trabalhava fora”.

Atualmente o belo casal que atingiu as “bodas de aveia” moram na rua Amélia de Menezes, Ipsep, e deverá celebrar o momento com um culto de ação de graças.

Compartilhe isto: