Publicado às 17h26 desta quarta-feira (8)

A polêmica entre o secretário municipal de Agricultura, Zé Pereira, e o senador Humberto Costa não acabou.

Após supor, em entrevista ao programa Frequência Democrática, na rádio Vila Bela FM, que Costa estaria colocando em xeque o aporte de uma emenda pelo apoio de Zé Pereira a união PT – PSB, a assessoria do senador emitiu uma nota, ratificando que o recurso de R$ 500 mil ainda pode chegar em Serra Talhada.

Agora, é a vez do Governo Luciano Duque, por meio da Secretaria Executiva de Comunicação Social (Secom) se posicionar sobre o fato, na tentativa de manter as boas relações entre o seu secretariado e o senador petista.

 

NOTA ESCLARECIMENTO

O Governo Municipal tem zelo pela boa prática de gestão, estabelecendo relações institucionais com outros órgãos do poder público, bem como, com parlamentares que têm interesse em contribuir com o desenvolvimento de Serra Talhada.

Deste modo, todas as relações que são construídas independem de afinidade política, mas sim, do comum interesse em melhorar a vida das pessoas, através de serviços e equipamentos públicos que proporcionam mais qualidade de vida para o nosso povo.

Dito isso, salientamos que o senador Humberto Costa sempre agiu com muita correção e parceria com o Governo de Serra Talhada, sempre de forma ética e respeitosa, destinando recursos que favorecem a nossa terra e a população serra-talhadense.

Entendemos que o debate acalorado, sobretudo quando estimulado e provocado por profissionais da imprensa, gera equívocos, como também distorções e interpretações que fogem à realidade.

Por fim, nem o Governo, nem o secretário José Pereira, têm qualquer crítica à relação institucional com o Senador Humberto Costa, que nunca faltou à Serra Talhada no exercício do seu mandato, assim como nunca condicionou qualquer ação do seu mandato a apoio de caráter eleitoral.

Buscando esclarecer os fatos, nos colocamos à disposição para quaisquer esclarecimentos.

Compartilhe isto: