Publicado às 04h03 desta segunda-feira (9)

O prefeito de Serra Talhada, Luciano Duque (PT), não silenciou diante as múltiplas decisões do Tribunal Regional Federal (TRF-4), que entre idas e vindas, manteve o ex-Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva preso (relembre).

No seu Facebook, o prefeito fez um autêntico desabafo, colocou em xeque setores do poder judiciário, e fez ataques ao Juiz Federal Sérgio Moro, que mesmo de férias, se pronunciou sobre o episódio.

“Me causa medo a forma como setores do poder judiciário têm se comportado, sobrepondo-se as decisões superiores e agindo arbitrariamente em desfavor do que é de fato e de direito, deixando cada vez mais nítido que estamos num estado de exceção, onde a caneta da “justiça” só funciona contra quem desagrada os poderosos e os seus simpatizantes”, escreveu Luciano Duque.

Num pronunciamento de quase 20 linhas, o prefeito também aproveitou para criticar Sérgio Moro.

“Falo isso perplexo com as atitudes do juiz Sérgio Moro e do desembargador Gebran Neto, contra a libertação do ex-presidente Lula, que se apressaram em insistir na prisão insustentável de Lula. Sérgio Moro, que está de férias, interrompeu o seu lazer para atuar com as suas convicções que independem de provas, demonstrando o quanto está obcecado em manter, injustamente, o ex-presidente Lula”, reforçou Duque, prevendo tempos difíceis no Brasil, e apostando que Lula será candidato a presidente da República.

“Temos que estar atentos as tentativas de impedirem Lula de ser candidato, e nos unirmos para defender a democracia do nosso país, que anda tão abalada. Vivemos tempos sombrios no Brasil, tempos que merecem uma forte resposta do povo brasileiro, antes que não nos reste mais a quem recorrer”, finalizou.

Compartilhe isto: