Fotos cedidas ao Farol de Notícias

Publicado às 06h21 deste sábado (25)

Na manhã desta quinta-feira (23), gestores municipais, movimentos sociais, pesquisadores de gênero e sexualidade e profissionais da saúde se reuniram no auditório da Câmara de Dirigentes Lojistas de Serra Talhada (CDL) para refletir o Dia Nacional da Visibilidade Lésbica e Bissexual, comemorado no dia 29 de agosto.

Com a tarefa de efetivar as políticas públicas de saúde LGBT nos 10 municípios da XI Gerência Regional de Saúde (GRS), a entidade tem protagonizado debates desde o ano passado como grupo de trabalho, e recentemente, foi contemplada com a portaria na Secretaria Estadual de Saúde (SES), se tornando no Comitê Técnico da Saúde LGBT da regional.

Na oportunidade, a professora Maria Roberta B. da Silva, enfermeira, membro do comitê e coordenadora do curso de Enfermagem da FIS, apresentou o material que está sendo construído para as formações com os demais profissionais de saúde nos municípios da região.

A socióloga, professora e coordenadora do Grupo de Estudos em Sexualidade e Gênero da Uast – Dadá – Lorena Lima, apresentou um material específico sobre a saúde e sexualidade de mulheres que amam mulheres.

Também estiveram presentes Mônica Cabral, secretária executiva da Mulher; Manu Silva e Robson Farias do Movimento Diverso; Nicole Pontes, Rayanna Souza e Patrícia Marques, do Grupo Dadá; além de gestores e profissionais de saúde de Triunfo, São José do Belmonte, Bethânia, Floresta, Itacuruba, Serra Talhada entre outras cidades.

Compartilhe isto: