Do JC Online

O prefeito do Rio, Marcelo Crivella (PRB), foi atingido por um jato d’água que encharcou suas calças durante vistoria realizada na manhã desta sexta-feira, 9, na Marquês de Sapucaí, onde acontecerão os desfiles das escolas de samba do carnaval carioca. O incidente aconteceu quando um integrante de sua comitiva tropeçou e acionou sem querer um hidrante instalado junto à avenida.

Inicialmente, Crivella se demonstrou bastante incomodado, mas minutos mais tarde procurou demonstrar bom humor com o incidente, que molhou outros de seus assessores e alguns jornalistas.

“O pessoal da Rio Águas (órgão vinculado à Prefeitura do Rio responsável pelas redes de água do município) está de parabéns, porque a vazão que colocou aí, no ponto de água, quase me jogou pro alto. Se o bombeiro encostar aí, vai poder apagar incêndio até lá no Catumbi”, brincou Crivella, referindo-se ao bairro que fica ao lado da Sapucaí.
Vistoria

A vistoria na Marquês de Sapucaí estava marcada para às 15h. Pela manhã, a assessoria do prefeito informou que seria antecipada para às 10h, mas às 9h30 Crivella já havia terminado sua inspeção.

Na sequência, o prefeito do Rio se dirigiu ao Palácio da Cidade, residência oficial do chefe do executivo municipal. Há a expectativa de que Crivella entregue a chave do município ao Rei Momo, mas não se sabe se isso de fato irá ocorrer. Caso aconteça, deverá ser em cerimônia a portas fechadas.

Compartilhe isto: