Por Giovanni Sá, editor do Farol

Serra Talhada já conta com um novo comando no 14º Batalhão de Polícia Militar (BPM). Trata-se do tenente-Coronel Figueiredo (Foto) que substituiu o ex- comandante Tibério César. Nessa sexta-feira (6), durante entrevista a rádio Cultura FM, Figueiredo expôs, em linha gerais, seu plano de trabalho, reconhecendo, inclusive, que Serra Talhada vive uma situação crítica com a marca de 40 homicídios em 2016, além da onda de furtos e a constante violência contra a mulher.

Mas o que chamou a atenção é que Figueiredo conta com uma ‘arma secreta’ para combater a bandidagem em Serra Talhada: a participação popular.” Diante das estatísticas, Serra Talhada merece uma atenção especial. É necessário que a população colabore e denuncie. Não deixem de denunciar. É importante a sociedade abrir a boca”, conclamou, afirmando ainda que vai priorizar ações no bairro Vila Bela.

Mas é este o grande “nó” da questão. Estamos acostumados à participar das ações apenas nos bastidores. Quando um bandido morre, por exemplo; apelamos para o discurso fácil de ‘lá se foi mais uma alma sebosa’ e aplaudimos como se estivéssemos num grande e popular ‘corredor da morte’. Por outro lado, caso o cidadão resolva ser um parceiro da PM, como deseja Figueiredo; há garantias que irá se fazer Justiça num sistema carcomido como o nosso? Bom, mas se tem o anonimato. É verdade. Mas em Serra Talhada, até este instrumento é complicado de ser operado.

Mas há luz no fim do túnel e confio nas boas intenções do novo comandante: “A sociedade não pode ser vítima. Vamos trabalhar com a conscientização da sociedade. Não trabalhamos sozinhos. Colocaremos o centro de assistência social dentro do Batalhão. Tentaremos sanar a insatisfação da sociedade”, disse o coronel Figueiredo em outro trecho da entrevista. Portanto, acho que é importante, neste momento, dar um voto de confiança ao Figueiredo, mesmo com a falência do Pacto pela Vida do governador Paulo Câmara. Afinal, o que temos a perder além das nossas vidas? Bom domingo a todos!

Compartilhe isto: