Publicado às 13h desta sexta (22)

Os primeiros levantamentos da Delegacia de Serra Talhada sobre o assassinato do comerciante Antonio Marcos Nunes da Silva, 29 anos, o ‘Marquinhos do Gelo’, confirmam que ele foi mesmo vítima de uma execução.

Segundo a polícia, havia a possibilidade de uma tentativa de assalto, mas essa linha de investigação já está descartada.

O Farol apurou junto aos investigadores que não será menosprezada nenhuma outra hipótese. Dentre elas, a suspeita maior é de vingança.

Segundo a polícia, na abordagem a ‘Marquinhos do Gelo’, o algoz, que estava encapuzado, chegou a chamar o nome da vítima para que ele pudesse sair e efetuar os disparos.

O inquérito investigativo já foi aberto. Familiares da vítima e testemunhas serão ouvidos nos próximos dias. Com este homicídio, Serra Talhada atinge a mesma quantidade de assassinatos registrados em 2016: 40 mortes.

Compartilhe isto: