Fotos: Farol de Notícias / Celso Garcia

Publicado às 20h50 desta sexta-feira (20)

O prefeito de Jaboatão dos Guararapes, ex-deputado federal e atual pré-candidato ao Governo de Pernambuco pelo Partido Liberal (PL), Anderson Ferreira, realiza visitas pelo estado e nessa sexta-feira (20) passou por Serra Talhada para se encontrar com os apoiadores locais e apresentar suas propostas na Caravana Simbora Mudar Pernambuco. No início da tarde recebeu a imprensa local para uma coletiva. A reportagem do Farol de Notícias esteve presente no evento e entrevistou os pré-candidatos.

Ao lado do pré-candidato ao Senado, Gilson Machado Neto (PSC), que foi ex-ministro do Turismo,  Anderson Ferreira teceu críticas ao atual governador Paulo Câmara (PSB), afirmando que os socialistas se escondem atrás da popularidade de Lula (PT). Ambos localizaram o debate, se colocando como os nomes escolhido para representar o atual presidente da República, Jair Bolsonaro, em Pernambuco.

“O que o governo do PSB quer é se livrar desse debate e tenta se esconder atrás de Lula, porque o pré-candidato ao governo de Lula é o pré-candidato de Paulo Câmara, o pior governador da história de Pernambuco. Ele tenta pegar a popularidade de Lula atrelar ao seu projeto. O governo Bolsonaro tem sim investido em Pernambuco e no momento mais difícil, no momento de pandemia, de retomada na economia”, analisou Ferreira, arrematando:

“Temos a demonstração clara tanto na transposição, quanto no Aeroporto de Fernando de Noronha. O Auxílio Brasil que aumentou de R$ 190,00 para R$ 400,00 e mesmo empregado você ainda recebe R$ 200,00. Em Pernambuco tem  1,4 milhões de pessoas recebendo o auxílio, e 1,2 milhões de pessoas com carteira assinada. Tem mais gente recebendo o Auxílio Brasil do que de carteira assinada, porque o governo do PSB é o governo da incompetência”.

Veja também:   Pesquisa Quaest para presidente: Lula tem 44% e Bolsonaro, 32%

DISPUTA NAS URNAS 

Evitando o embate direto com os demais pré-candidatos, quando questionado pela reportagem do Farol para analisar os adversários das urnas, Anderson afirmou que viu no governo Bolsonaro um aliado e parceiro para exercer seu mandato em Jaboatão e realizar diversos investimentos com verbas federais.

Ao seu lado, Gilson Machado cravou um posicionamento ao estilo bolsonarista e pontuou pontos que considera positivos na gestão do governo federal em relação a vacinação argumentando com ações de Bolsonaro que, segundo ele, trouxeram melhorias para os brasileiros.

“Muita gente omite as benesses que o presidente Bolsonaro fez na região. Nós somos o palanque e não temos vergonha por isso, nós temos orgulho por isso. Conheça o que o presidente Bolsonaro fez, a senhora está com a vacina no braço e vai pular São João com Assisão, a senhora tem Bolsonaro em sua vida. Ninguém lhe tira mais nunca, foi Bolsonaro que comprou e mandou para todo o Brasil, não só para Pernambuco. Se a senhora usa o pix, tem Bolsonaro em sua vida. O pix tirou mais de R$ 20 bilhões das mãos dos banqueiros da Avenida Paulista e o povão tem acesso a uma transação bancária sem pagar taxa. É um cara que não tem doutorado, não tem mestrado, mas tem as manhas. Tem que pensar fora da caixa”, disse Gilson Machado.