Moradores do Mutirão, na Zona Norte de Serra Talhada, procuraram o FAROL DE NOTÍCIAS para denunciar o avanço do lixo e do esgoto numa das principais avenidas do bairro. Os moradores estão enfrentando dificuldades, principalmente, devido a falta de calçamento. É comum assistir, durante o dia e à noite, ratos e baratas usufruindo do “balneário” da sujeira que tem avançado no local. “Não podemos fazer nada. Estamos confiando nos políticos”, disse um morador, pedindo para não ser identificado.

Essa rua – como todas do bairro Mutirão – está dentro do projeto de reurbanização que foi iniciado há cerca de 5 anos pelo Governo do Estado com recursos federais. No ano passado, o então secretário estadual das Cidades – Nilton Mota, esteve no Mutirão (relembre aqui), e garantiu que as obras seriam retomadas com velocidade e sem paralisações. Atualmente, o ritmo das obras está a passos de tartaruga, provocando cenários como estes na foto. o projeto de urbanização do Mutirão está orçado em R$ 6,4 milhões.

Veja também:   'Meu filho nasceu em outra cidade por falta de atendimento', diz pai