Serra Talhada registrou na manhã deste domingo (21) o 16º homicídio do ano.

De acordo com informações da Delegacia de Polícia Civil, Manoel Quintino de Lima, 29 anos, foi morto com golpes de picareta no bairro do Mutirão por um outro homem de 39 anos que foi preso em flagrante e seria seu ex-namorado.

A vítima ainda foi socorrida com vida ao Hospital Regional Agamenon Magalhães (Hospam), mas não resistiu e faleceu por volta das 10h.

Ainda de acordo com informações da Policia, o assassino alegou que matou o ex-companheiro para se defender, uma vez que teria sido atacado com golpes de faca por Manoel Quintino, dentro da sua residência.

Em depoimento, o agressor confirmou que teve uma relação homoafetiva por cerca de seis anos com a vitima e há seis meses estavam separados.

Entretanto, a separação nunca foi aceita por Quintino. Há pouco tempo, o agressor abriu um Boletim de Ocorrência (B.O) contra o ex-namorado, mas depois retirou a queixa.

CONTAGEM

Este foi o 16º homicídio de 2017 em Serra Talhada. O 15º registro foi no dia 3 de maio, quando uma mulher de 26 anos foi morta a tiros no centro da cidade (relembre). O homicídio de número 14 aconteceu no dia 13 de março, quando um caminhoneiro de 37 anos foi crivado de balas na zona rural de Serra Talhada (relembre).

Compartilhe isto: