O governador Paulo Câmara resolveu quebrar o silêncio, nessa sexta-feira (30), na rádio Folha FM, com relação ao Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) em Serra Talhada, que está pronto para funcionar, mas há pelo menos três anos tornou-se um ‘elefante branco’.

A estrutura pronta para servir a 35 municípios, mas vem se desgastando ao longo dos anos sem qualquer previsão de funcionamento.

“Em janeiro vamos tratar deste tema com o prefeito de Serra Talhada Luciano Duque e ver o que falta para o serviço funcionar”, garantiu Paul Câmara, afirmando ser inadmissível um serviço tão importante como o SAMU não funcionar já com toda a estrutura montada.

O governador prometeu empenho em destravar os repasses federais. “Onde o serviço funciona, salva vidas”, afirmou socialista.

 

Compartilhe isto: