Abel faz 'pedido' à torcida do Palmeiras na Libertadores
Estevão, do Palmeiras, comemora gol contra o Liverpool-URU pela Libertadores
Imagem: Cesar Greco/Palmeiras

Por ESPN

Palmeiras fez o dever de casa e venceu o Liverpool (URU) por 3 a 1, no Allianz Parque, para assumir a liderança do grupo F da CONMEBOL Libertadores. Mas mesmo com o resultado, que passou pela noite de brilho do garoto Estêvão, a festa não foi completa para Abel Ferreira.

O motivo foi o público presente no estádio para acompanhar a estreia da equipe em casa pela Libertadores.

Segundo números divulgados pelo Palmeiras, pouco mais de 28 mil torcedores estiveram no estádio para a partida diante dos uruguaios.

Veja também:   Atlético-MG visita Peñarol e tenta garantir liderança

Os principais fatos de Serra Talhada e região no Farol de Notícias pelo Instagram (clique aqui)

“Os torcedores sabem que eu gosto muito deles. Gostaria de ter visto o estádio cheio, e não vi. O estádio tem que estar sempre cheio”, disse o treinador em entrevista coletiva.

“Ontem estava vendo jogos da Sul-Americana e vi estádios cheios. Isso aqui é Libertadores. Aceito que exijam tudo do treinador, dos jogadores. Mas, em quantos mais formos no nosso ‘chiqueiro’, melhor. Digo isso de verdade: nas vitórias em casa, 30% é deles [torcedores]”.

Veja também:   Italiano: Fiorentina e Napoli empatam na penúltima rodada

Os principais fatos de Serra Talhada e região no Farol de Notícias pelo Instagram (clique aqui)

“Hoje, só tivemos 15%. Queremos ter 30% sempre. Temos que fazer esforço para ter nosso ‘chiqueiro’ sempre cheio. Senti falta dos que não vieram”.

Agora, o Palmeiras chega aos 4 pontos e iguala o Independiente del Valle, mas fica à frente dos equatorianos por ter feito mais gols até o momento (4 contra 3).

Próximos jogos do Palmeiras

Veja também:   Pressionado na Libertadores, Grêmio enfrenta Estudiantes