Abono Salarial PIS/PASEP 2024: Não perca o seu 14° Salário

Do BMCNews

PIS/PASEP 2024, muitas vezes referido como o 14º salário, tem um início previsto para fevereiro, beneficiando aproximadamente 25 milhões de pessoas. O valor máximo liberado está bem alinhado com o valor do salário mínimo atual, R$ 1.421. Caso haja dúvidas sobre o direito de recebimento do benefício, ou ainda, o valor a ser pago, é possível realizar uma consulta online.

Como consultar o PIS/PASEP 2024 online?

Para se qualificar ao PIS/PASEP 2024, o trabalhador deve ter atuado no ano-base, que é 2022. É imprescindível que a remuneração mensal máxima tenha sido dois salários mínimos e que tenha trabalhado pelo menos 30 dias registrados na carteira durante esse período.

Veja também:   Miguel Duque: 'Márcia Conrado não tem projeto de futuro'

Os dados dos profissionais que se enquadram no perfil para recebimento do benefício constam no RAIS (Relação Anual de Informações Sociais) ou eSocial. Esses dados são inseridos pelo empregador e, em seguida, contribuem para a atualização do portal do Ministério do Trabalho para consulta dos contemplados. A atualização com os dados do ano-base deve acontecer a partir de janeiro de 2024.

Passo a passo para consultar o PIS/PASEP 2024

  • Acesse o Aplicativo Carteira de Trabalho Digital e logue através do Gov.br;
  • No menu, selecione “Benefícios”;
  • Selecione “Abono salarial”;
  • Informe 2022 como ano-base;
  • Descubra se você receberá o benefício.
Veja também:   Grau Técnico promove ação solidária em Serra Talhada

Calendário do PIS/PASEP 2024

O governo federal elaborou o calendário do PIS/PASEP 2024 e encaminhou ao Codefat (Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador). A aprovação do calendário pelo Codefat acontecerá durante uma reunião agendada para o dia 13 de dezembro. Contudo, é pouco provável que haja rejeição do cronograma proposto.

Conforme a proposta do governo, os pagamentos do PIS serão realizados pela Caixa Econômica Federal, enquanto os pagamentos do PASEP serão liberados pelo Banco do Brasil.

Assim, caso seja aprovado, o calendário de pagamento do PIS seguirá o critério de nascimento dos contemplados, com início em fevereiro e término em dezembro. Já o calendário de pagamento do PASEP levará em consideração o final da inscrição do beneficiado, igualmente com início previsto para fevereiro e término em dezembro.

Veja também:   Estrela que emite fumaça é descoberta na Via Láctea