Publicado às 05h40 deste domingo (26)

Da Revista Fórum

Um adolescente de 17 anos “tatuou” o 22 nas costas – número do presidente Jair Bolsonaro (PL) – com ferro em brasa, que é utilizado para marcar bois em fazendas, em um leilão de gado em Mirassol D’ Oeste (a 297 km de Cuiabá).

Guilherme Henrique Moreira Santos, que é emancipado, segundo a mãe Layane Moreira, de 36 anos, disse que decidiu fazer a marca por se sentir desafiado pelos amigos que são de esquerda.

A mãe do adolescente contou em entrevista ao site RD News que a marca foi feita em 12 de junho, durante um leilão no assentamento Roseli Nunes. O evento, em que seu pai era coordenador, foi em prol do Hospital do Câncer de Barretos.

Veja também:   Prefeitura: Certificados a 156 afogadenses 

“Guilherme estava trabalhando na equipe de manejo do gado. Meu filho tem um grupo de amigos de esquerda e ele se sentiu desafiado. E, como é um menino bem rústico e corajoso, pediu para um menino carimba-lo. Um não aceitou, mas o outro sim e fez a marca”, disse a mãe.

A mãe disse ainda que quando viu a marca levou um susto. “Mas não tive muito o que fazer. Já estava feito, não tinha como tirar. Depois do leilão, levamos ele ao médico, foi medicado e está cicatrizando. Mas, tirei foto e mandei para uma colega que acabou compartilhando e viralizou”, conta.