Da Folha de PE

O famoso alpinista americano Brad Gobright morreu na quarta-feira ao cair de uma altura de cerca de 300 metros, numa rota conhecida como “Sendero Luminoso” no nordeste do México, segundo as autoridades.

“Dois alpinistas de origem americana caíram da rota Sendero Luminoso, em Potrero Chico, Hidalgo, Nuevo León. Um deles perdeu a vida depois de cair de uma altura de cerca de 300 metros”, informou nesta quinta-feira o Escritório de Proteção Civil de Nuevo León.

A equipe de resgate recebeu uma ligação na tarde de quarta-feira para alertá-los sobre a queda de Gobright, de 31 anos, e outro americano, Aidan Jacobson, de 26, quando estavam descendo da rota Sendero Luminoso, que tem 900 metros de altura e está localizada em Potrero Chico, do município de Hidalgo.

Outras testemunhas disseram que ambos estavam descendo de rapel quando caíram por um problema técnico em suas cordas na beira de uma imensa formação rochosa, mas Gobright acabou deslizando e caiu de uma altura de 300 metros.

“Jacobson teve ferimentos no tornozelo direito e em várias partes do corpo. Ele foi atendido no local”, indica o comunicado.

Gobright era um reconhecido alpinista, especialista em grandes paredes.