Júri absolve acusados de homicídio em bairro de Serra Talhada
Júri Popular – Fotos: Licca Lima/Farol de Notícias

A equipe de reportagem do Farol de Notícias acompanhou nessa terça-feira (06) o julgamento de Anderson Ricardo Ferreira  e Carlos Alberto de Magalhães, acusados de assassinar a tiros, em outubro de 2021, o jovem florestano Diogo Nascimento da Silva (24), no bairro Alto do Bom Jesus. [Relembre aqui]

Com quase 12 horas de duração, os réus foram julgados juntos sob a observação de diversos policiais militares e penais. Foram ouvidas seis testemunhas, cinco de acusação trazidas pelo Ministério Público e uma de defesa.

Veja também:   Após denúncia no Farol, Hospam emite nota sobre maus tratos

Receba as manchetes do Farol de Notícias em primeira mão WhatsApp (clique aqui)

Após a apuração dos fatos e das informações dadas pelas testemunhas, o júri votou pela absolvição de Anderson e de Carlos. A sentença foi justificada pela falta de indícios de autoria e de insuficiência das provas.

O tribunal registrou ser improcedente a denúncia e arquivou os autos, dando liberdade imediata aos dois jovens.

Confira as fotos do julgamento

Júri absolve acusados de homicídio em bairro de Serra Talhada Júri absolve acusados de homicídio em bairro de Serra Talhada Júri absolve acusados de homicídio em bairro de Serra Talhada Júri absolve acusados de homicídio em bairro de Serra Talhada Júri absolve acusados de homicídio em bairro de Serra Talhada Júri absolve acusados de homicídio em bairro de Serra Talhada Júri absolve acusados de homicídio em bairro de Serra Talhada Júri absolve acusados de homicídio em bairro de Serra Talhada Júri absolve acusados de homicídio em bairro de Serra Talhada Júri absolve acusados de homicídio em bairro de Serra Talhada

Veja mais

Serra Talhada registra homicídio a tiros; é o 16ª do ano