Da CNN

Foto: Nearmap e Joe Raedle/Getty Images

A avaliação das condições do edifício para realização de reparos custaria cerca de US$ 15 milhões. Os valores seriam discutidos em reunião com os moradores.

“Os danos observáveis, como na garagem, ficaram significativamente piores desde a inspeção inicial”, diz um trecho do documento. O presidente do conselho, Jean Wodnicki, endereçou a carta aos vizinhos em 9 de abril.

“A deterioração do concreto está acelerando. A situação do telhado piorou muito, então grandes reparos no telhado tiveram de ser incorporados”, diz a carta, adquirida por Erin Burnett, do “Erin Burnett OutFront”, da CNN.

Wodnicki descreve ainda outros problemas enfrentados pelo edifício. “Quando você pode ver visualmente o concreto fragmentado [rachaduras], isso significa que o vergalhão que o mantém unido está enferrujando e se deteriorando sob a superfície.”

Uma pesquisa de campo estrutural realizada em 2018 pela Morabito Consultants Inc., encontrou vários procedimentos errados no edifício, incluindo grandes danos estruturais abaixo do deck da piscina, de acordo com o relatório.

“A falha na impermeabilização está causando grandes danos estruturais à laje estrutural de concreto abaixo dessas áreas”, diz o relatório.

Em um comunicado à CNN desde o colapso, a Morabito Consultants escreveu que o relatório “detalhou rachaduras e rupturas significativas no concreto”.

O relatório não disse se a estrutura estava em risco de colapso, mas o grupo disse que forneceu uma estimativa para a associação de condomínio “fazer os reparos extensos e necessários”.

A carta, enviada em abril, procura explicar uma avaliação especial de US$ 15 milhões aos proprietários que seria discutida em uma próxima reunião. O escopo inicial das estimativas de trabalho para 2018 foi ampliado, diz a carta.

“Outros projetos identificados anteriormente foram incluídos no projeto principal. Novos problemas foram identificados. Além disso, os custos aumentam a cada ano. É assim que passamos dos estimados $ 9.128.433,60 citados no relatório do Morabito de 2018 para um número muito maior que temos hoje “, diz.

Veja também:   Homem flagra ex-mulher com namorado em ST e faz agressão

Posteriormente, o conselho aprovou os US$ 15 milhões em reparos, de acordo com uma carta de avaliação obtida pela CNN.

A CNN entrou em contato com representantes da associação de condomínios Champlain Towers South para mais comentários