Fotos do Farol de Notícias/ Max Rodrigues

Publicado às 05h55 desta sexta-feira (8)

Nessa quinta-feira (7), a dona de casa Luzia Maria de Almeida, 32 anos, entrou em contato com o Farol de Notícias para fazer apelo aos políticos e autoridades de Serra Talhada. A moradora do bairro Bom Jesus e mãe de 4 crianças, vem sofrendo com vários problemas de coluna e precisa de cirurgia urgente, ela foi encaminhada para o Hospital das Clínicas, mas até agora não foi chamada e teme perder a mobilidade. A dona de casa ainda relata que já foi atrás de ajuda, no entanto, não conseguiu nada além de promessas. Luzia também está precisando de fisioterapia e uma tipoia para coluna, além da medicação que precisa tomar.

“Quando eu comecei o tratamento foi por conta de uma queda que eu levei, comecei com um desvio, hoje eu tenho hérnia de disco, tenho escoriação lombar, agora o médico falou que estou com um tumor na medula e ele também falou em uma veia ciática que desviou, o médico me encaminhou para Recife para o Hospital das Clínicas, mas pelo TFD é muito complicado, lá me falaram que jogam meu nome no sistema e quando surgir a vaga eles me colocam. Eu já corri atrás de muitos vereadores, eles garantem me ajudar, mas não me ajudaram em nada, eu tomo remédio, todos são muito caros, tenho que comprar uma tipoia para coluna e não tenho condições, até o benefício que eu fiz a perícia, estou esperando sair e nunca saiu, queria que alguém me levasse para Recife e pudesse falar a minha situação no hospital, aqui os vereadores me prometem ou dizem logo não, tenho uma ressonância para fazer há dois anos e ainda não fui chamada”, a dona de casa detalhou, acrescentando:

“Me indicaram falar com alguém que pudesse ir ao hospital, para eu fazer a cirurgia o mais rápido possível, todo dia sinto dores, dor de cabeça, estou aqui deitada no chão, porque não consigo nem sentar, nem ficar deitada na cama hoje por conta da coluna, a fisioterapia está com um ano que está na secretaria de saúde e a minha nunca saiu e eu preciso muito da fisioterapia. Já me indicaram ir atrás de Sebastião Oliveira, porque ele tem mais acesso a Recife, mas não sei como falar com ele, eu estou sofrendo muito, com muita dor”.

Luzia não tem telefone para contato, para ajudar a adquirir a tipoia e a medicação você pode ir diretamente em sua residência que fica na Travessa 2, Alto Bom Jesus, nº 241 ou com transferência para a sua conta bancária:

Caixa Econômica 

Agência: 0914

Conta Poupança: 47742-8

Luzia Maria de Almeida

Pix: 87998253530 – Francisco Deybson Pereira Farias