Luciano DuqueDurante entrevista ao radialista Francys Maia, na Rádio A Voz do Sertão AM, na manhã desta segunda-feira (6), o prefeito de Serra Talhada admitiu que deu apoio ao então candidato a federal Gonzaga Patriota, do PSB e confirma, dessa forma, que fez campanha dupla, trabalhando também para o então candidato Pedro Eugênio (PT), que não conseguiu se reeleger.

Como prêmio de consolo, Luciano afirmou que sai vitorioso destas eleições porque Armando Monteiro e o candidato ao Senado, João Paulo, foram vencedores em Serra Talhada, apesar do resultado geral.

Veja também:   Pré-candidatos já fazem carnaval em Serra Talhada

“Fomos vitoriosos e mostramos força política, contrariando o desejo de muitos. O deputado Gonzaga Patriota também foi votado pelo nosso grupo”, disse. Duque negou que a tão alardeada “estrada para Brasília”, propagada pelo seu governo, tenha perdido força, já que o PT não conseguiu eleger nenhum deputado federal em Pernambuco.

“Pelo contrário, a estrada (para Brasília) continua fortalecida e está aí mostrando resultados”, avaliou. Durante a entrevista, o prefeito confirmou que será candidato à reeleição em 2016 e disse que as coisas boas da gestão começarão a ser vistas a partir de 2015.

Veja também:   Ao lado de Marília, Sebastião e Waldemar se ligam em 2024

Meses atrás, Duque negou veementemente que estava fazendo campanha dupla para Gonzaga e Pedro Eugênio. O petista obteve pouco mais de 7 mil votos na capital do xaxado, já o socialista, que se reelegeu, pouco mais 1.700 votos.