A economia compartilhada é um conceito cada vez mais presente na vida dos brasileiros, além de fazer sucesso também mundo afora. Isso acontece pela quantidade de benefícios que as soluções de economia compartilhada trazem para o dia a dia das pessoas e também para negócios.

Essas soluções ajudam a fazer com que o aproveitamento de recursos gere uma economia de dinheiro enquanto utiliza melhor aquilo que se tem disponível. O conceito de economia compartilhada é um dos melhores que surgiu nos últimos tempos, principalmente pela contribuição que traz para o planeta no geral.

Nós trouxemos algumas das melhores soluções da economia compartilhada para que você possa começar a aproveitar melhor essa onda. Mas antes, vamos ver um pouco mais sobre o que é economia compartilhada e quais os benefícios que ela traz em suas soluções.

O que é Economia Compartilhada?

A Economia Compartilhada, também chamada de Economia Colaborativa busca uma forma de aproveitar melhor os recursos disponíveis que não estão em uso ou estão sendo subutilizados.

Estes recursos podem ser valiosos para mais pessoas e este estilo de compartilhamento e colaboração garante que eles sejam melhores distribuídos, trazendo benefícios para quem usa e também para quem oferece.

Portanto, as soluções de economia compartilhada oferecem formas de conexão entre as partes interessadas. Essa conexão acontece de forma mais dinâmica e organizada, facilitando o acesso aos recursos com preços justos e condições de negociação pré-determinadas pelos intermediários criadores dessas soluções.

Com isso, a economia compartilhada e o estilo de vida colaborativo podem se integrar mais facilmente, fazendo com que esse compartilhamento realmente seja benéfico e produtivo para ambas as partes. Mas você tem ideia de como isso pode ser bom para quem utiliza essas soluções?

Os benefícios da Economia Compartilhada

A economia compartilhada traz benefícios para o planeta, para quem utiliza os recursos e também para quem possui recursos subutilizados. Tudo isso só é possível porque este conceito se baseia na sustentabilidade, promovendo uma forma de inserção desses recursos.

Com isso, ela já começa promovendo o acesso a recursos em formas de produtos ou serviços, que normalmente seriam muito caros, para pessoas com menos poder aquisitivo. Isso resulta em uma grande economia de dinheiro e democratiza o acesso a bons recursos.

Já com relação ao meio ambiente, podemos perceber que a economia compartilhada promove um consumo consciente, poupando recursos naturais e estimulando o uso de recursos já existentes, não tendo assim a necessidade de investimento em produtos novos que correrão o risco de ficar subutilizados em pouco tempo.

Veja também:   Moradores fecham BR-101 para cobrar auxílio

Por fim, podemos reconhecer também que esse estilo colaborativo ajuda na democratização do empreendedorismo, oferecendo recursos para que mais pessoas comecem seus negócios. Isso estimula a concorrência e possibilita também que mais pessoas criem formas de renda extra para ajudar em seus orçamentos.

Melhores soluções da Economia Compartilhada

Atualmente existem muitas formas proveitosas de utilização das soluções propostas pela economia compartilhada. Isso facilita para que mais pessoas tenham acesso a serviços e produtos diversificados.

Essa diversificação é o que faz a economia compartilhada ser um sucesso, além do oferecimento de acesso a recursos muito utilizados no dia a dia. Veja algumas das melhores soluções da Economia Compartilhada abaixo.

Airbnb

O Airbnb é um sucesso por promover o acesso a milhares de acomodações diferentes ao redor do mundo. Essas acomodações são diversificadas e vão desde apartamentos e casas inteiras até quartos compartilhados, cabanas, tiny houses, trailers, barcos e outros formatos.

Esse compartilhamento de acomodações é vantajoso tanto para pessoas que buscam opções mais em conta e flexíveis quanto para quem possui imóveis ou recursos parados que podem servir como moradia temporária.

Com isso, o Airbnb oferece opções de aluguel por temporada e até mesmo por diária, podendo o usuário escolher a opção mais barata. Esse recurso é ideal para viajantes e nômades digitais, mas pode ser utilizado por qualquer pessoa que precisa de uma acomodação a preço justo.

DogHero

O DogHero promove o encontro entre donos de pet com usuários com tempo livre para cuidar desses pets. Esse encontro é feito pela plataforma que indica pessoas disponíveis para cuidar do seu pet enquanto você não estiver disponível, em caso de emergências ou viagens.

O interessante aqui é que o Doghero pode ser uma ótima forma de renda extra para pessoas com tempo disponível, enquanto os donos de pet podem ter mais segurança ao escolher alguém para cuidar de seus animais.

Enjoei

O Enjoei é uma plataforma de vendas em que as pessoas podem criar suas lojinhas e vender seus produtos usados para conseguir uma renda extra. Quase todo mundo possui roupas, sapatos e acessórios que não utiliza mais, mas que estão em perfeito estado.

Esses recursos podem ser colocados à venda, dando a oportunidade para outras pessoas utilizarem produtos de qualidade, com pouco uso e muito valor. A plataforma do Enjoei é excelente para se anunciar produtos usados e fazer bons negócios.

Veja também:   Homem ameaça atear fogo em casa após agressão

Uber e outros apps de mobilidade

O Uber e outros apps do setor promovem o encontro de pessoas que precisam de transporte com outras que possuem carros e tempo livre, mas precisam de dinheiro. Com isso, é possível virar motorista de app e conseguir uma renda extra no fim do mês.

Esse recurso da economia compartilhada ficou muito famoso justamente por unir duas necessidades das pessoas: transporte a preço justo e renda extra. O app oferece essa conexão entre as partes, calculando o valor de cada corrida e remunerando seus colaboradores.

Rappi e outros apps de delivery

O delivery está cada vez mais acessível graças a aplicativos como Rappi ou Uber Eats. Hoje em dia, qualquer estabelecimento que trabalha com comida consegue contratar uma corrida pelo aplicativo de delivery e entregar uma boa experiência ao seu cliente.

Esses apps também promovem uma forma de renda extra para pessoas que tem essa necessidade. As entregas podem ser feitas até mesmo de bicicleta e para começar a ganhar dinheiro lá é preciso ter um celular com conexão à internet para fazer as corridas.

Como aproveitar essas soluções

Todas essas soluções só são possíveis porque as empresas investem em hospedagem de sites para criar suas plataformas. Estes serviços permitem que boas soluções sejam criadas e mais pessoas possam utilizar essas plataformas com segurança.

Para utilizar estes serviços, basta acessar suas plataformas, seja por meio dos apps ou no próprio site. Empresas como o Enjoei investem bastante em hospedagem de qualidade para criar ambientes sensacionais para que seus usuários possam fazer bons negócios.

Essas e outras soluções estão disponíveis online. A conexão com a internet é essencial para o funcionamento dos serviços de economia compartilhada, pois todos os negócios são feitos por lá.

Para quem deseja aproveitar o outro lado da economia compartilhada, o do empreendedorismo, a dica é buscar formas de compartilhamento e colaboração entre recursos do dia a dia. Quanto mais relevante for esse compartilhamento, mais chances de sucesso terá o seu negócio.

A partir daí, é só fazer o investimento na criação de uma boa plataforma e começar a divulgação dessa ideia. Os investimentos em hospedagem são bem em conta e você pode ter um ótimo retorno em negócios digitais baseados na economia compartilhada.

Gostou de conhecer um pouco sobre as melhores soluções de economia compartilhada existentes no mercado? Já utiliza alguma delas? Nos conte nos comentários e compartilhe este post em suas redes sociais.