Empresa do cantor João Gomes vira alvo da Polícia Federal

Do JC Online / Blog do Jamildo

Blog de Jamildo teve acesso, com exclusividade, a um ofício da Polícia Federal, em Juazeiro (BA), que investiga a empresa JG Shows LTDA.

A companhia administra a carreira do cantor João Gomes, de Petrolina, no Sertão de Pernambuco. O artista, inclusive, é um dos sócios da empresa.

Segundo o documento a que o blog teve acesso, a empresa do cantor é investigada por suposta “atividade de segurança privada não autorizada”.

POLÍCIA FEDERAL NA COLA DE JÃO GOMES

No Ofício 22/2023/UCV/NPA/DPF/JZO/BA, os documentos do processo informam que o “processo de fiscalização de segurança privada clandestina” está autuado como 08257.000424/2023-79.

Veja também:   Marconi fortalece parcerias para segurança hídrica

“Informo que o eventual exercício de atividade que envolva segurança privada por parte da supracitada empresa não possui autorização da Polícia Federal”, diz o agente da Polícia Federal.

Até o presente momento, a Polícia Federal não informa se as investigações foram concluídas ou não.

Fica aberto o espaço à empresa e ao cantor, caso queiram prestar mais esclarecimentos.