Enfermeira denuncia 'politicagem' em seleção do Altino VenturaPublicado às 05h50 desta quinta-feira (3)

Uma profissional da saúde, que participou da seleção de emprego organizada pela Fundação Altino Ventura em Serra Talhada, entrou em contato com a redação do Farol de Notícias para denunciar a possível falta de lisura no processo.

Após passar por duas etapas da seleção, a profissional afirma ter recebido uma ligação da Fundação na qual informaram que ela não teria evoluído para as etapas seguintes.

Ao saber do resultado, a mulher resolveu investigar quem assumiu a vaga e para sua surpresa descobriu que o candidato que conseguiu o cargo não participou de nenhuma das fases do processo seletivo.

Veja também:   Mais 66 casos de Covid-19 em Serra Talhada

Segundo a denunciante, o recrutamento foi apenas uma fachada para mascarar a  contratação de  uma indicação política do município.

“Isso é um absurdo com os profissionais de qualquer área, nos fazem perder tempo, estudo, dedicação para participar de um processo, além de dinheiro, porque pedem xerox de documentos diversos, criam expectativas falsas pra enganar as pessoas e no fim sempre tem a carta marcada através de politicagem. A mesma coisa aconteceu com esses últimos processos seletivos da prefeitura, pediam pontuação de títulos e mesmo o candidato possuindo os critérios, se quer passava nas primeiras fases. Revoltante demais”, disse a mulher, que não quis ser identificada.

Veja também:   Produção e consumo de drogas batem recorde

OUTRO LADO

O Farol buscou esclarecer o caso com a gestão da Fundação Altino Ventura em Serra Talhada, que enviou uma nota explicativa sobre a situação. Confira a nota na íntegra.

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Destacamos que não procede a suposta denúncia de irregularidades de processo seletivo para novas contratações para a unidade FAV de Serra Talhada.

O processo seletivo foi anunciado nos canais locais e a prévia da seleção foi feita de forma virtual, através de entrevistas com coordenadores técnicos, gestores e psicólogos.

Destacamos que, desde 1986, ano em que a FAV foi fundada, nossas seleções são conduzidas de maneira padronizada, ou seja, seguindo os mesmos critérios para todas as unidades, com lisura e transparência.

Veja também:   Líderes mundiais querem responder a ataque

Departamento de Comunicação e MKT da Fundação Altino Ventura