Dois alunos da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) de Serra Talhada participaram da 20º Olímpiadas Especiais, em Maringá (PR), e retornam a Capital do Xaxado com medalhas no peito. Claudiane Freire da Silva ganhou a medalha de bronze na corrida de 25 metros rasos e Sérgio Alves de Araújo prêmio de participação na prova de arremesso de peso até 60 quilos.

O detalhe é que Claudiana tem paralisia no braço e perna esquerda, e Sérgio Araújo tem deficiência intelectual múltipla. “Foi uma superação para ambos. Fiquei muito feliz com esta conquista e mostra que Serra Talhada está com outro olhar para com os especiais”, disse Solange Pereira, presidente da Apae.

Nesta quarta-feira (14) os dois atletas serão recebidos com festa pelos amigos e colegas e farão cortejo pelas principais ruas de Serra Talhada, num carro do Corpo de Bombeiros. “Iremos nos concentar na praça Manoel Pereira Lins às 8h30 e faremos o desfile da vitória até a Apae. Todos estão convidados”, convidou Solange Pereira. Das Olimpíadas de Maringá participaram 21 delegações e Pernambuco levou 32 atletas que trouxeram 4 medalhas de ouro, 3 de prata e uma de bronze. O evento aconteceu no período de 5 a 11 de novembro.

Veja também:   Educação convoca novos professores em ST