Do Metrópoles

Assim como anunciado anteriormente, a pasta da Saúde do Espírito Santo começou a disponibilizar medicamentos para a Covid-19 na rede pública. A medida é válida apenas para pacientes internados e com a necessidade de utilizar suporte de ventilação mecânica.

O anúncio do secretário Nésio Fernandes foi feito na última segunda-feira (6/6). De acordo com o representante da pasta, os enfermos recebem um comprimido por dia ao longo de duas semanas.

O medicamento teve seu uso aprovado em setembro de 2021 pela Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa). Em março deste ano, a Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no Sistema Único de Saúde (Conitec) recomendou a inclusão do baricitinibe para tratamento da Covid-19 na rede.

Atualmente, o estado do Espírito Santo busca conter o avanço da doença com medidas de prevenção, como adotar a recomendação do uso de máscaras em ambientes fechados e reforçar a necessidade de manter o esquema vacinal em dia.

O estado tem mais de 1,5 milhão de pessoas com as segundas e terceiras doses em atraso.

Veja também:   Homem convida 5 mil pessoas para festa de cachorro com bolo de 100 kg