Publicado às 03h17 desta segunda-feira (3)

Sebastião acena para Marcos Godoy, Eliane e Elyzandro Nogueira

Com o objetivo de fortalecer o arco de alianças em favor da chapa da oposição em 2020, o deputado federal Sebastião Oliveira passou recado para três dos pré-candidatos a prefeito de Serra Talhada atualmente pela oposição: Marcos Godoy, Eliane Oliveira e Elyzandro Nogueira. O fato ocorreu durante entrevista ao Programa do Farol, na TV FAROL no Youtube [veja aqui], onde o nome do também pré-candidato Victor Oliveira não foi lembrado por ‘Sebá’. Indagado acerca de coalizão para fortalecer a oposição, ele sapecou:

“Um abraço forte a Marquinhos [Godoy], Marquinhos é uma grande figura e tenho um enorme carinho por ele. E ele sabe que as raízes do meu pai foram raízes construídas com muita sinceridade e amizade com o pai dele. Num momento em que a maré remava à favor das oligarquias políticas da cidade, da qual meu pai era família mas não fazia parte, naquele momento ele e alguns pensadores que queriam o bem Serra Talhada fizeram amplos movimentos de oposição, agora sempre muito respeitosos e muito tranquilos, e ele  sabe da consideração que sempre tinha que o meu pai tinha com o pai dele, e eu não queria ter [com Marquinhos] um aliado político, queria ter um amigo, como o meu pai era amigo do pai dele”.

Veja também:   Juiz aceita denúncia sobre FGTS e torna réus Eduardo Cunha, Henrique Alves e mais três

“Então, foi esse sentimento que já deixei claro para ele [Marcos Godoy]”, continuou Sebastião: “É um sentimento que eu sempre construí com as pessoas que fazem política comigo. Eu quero ter amizade, como eu sou amigo de Faeca há muitos anos. A consideração que eu tenho pela minha parente, Eliane Oliveira, Elyzandro eu não tive muita convivência com ele, mas quero formar essa amizade com ele, estava marcado para a gente conversar com ele em março, mas teve uma pandemia que nos atrapalhou para essa pauta política presencial. Mas nós vamos ter a oportunidade de conversar. E sim! Eu gostaria que nós criássemos uma frente ampla de muita consistência para que pudéssemos apresentar a Serra Talhada um modelo de gestão que, sem dúvida nenhuma, vai ser bem melhor do que esse que está aí.”

Veja também:   Bolsonaro determina 'comemorações devidas' a 64

ASSISTA A ENTREVISTA DE SEBASTIÃO NA ÍNTEGRA