Do Diario de Pernambuco
Dois pescadores encontraram um homem nu, que havia descumprido as obrigações de controle judicial, em uma área de mangue infestada de crocodilos no extremo norte da Austrália. O fugitivo sobreviveu por vários dias nas árvores, comendo principalmente caracóis.
Na tarde de domingo, Kevin Joiner e Cam Faust estavam pescando perto de Darwin, a capital do Território do Norte, quando ouviram um homem pedir ajuda. Estava coberto de lama e de picadas de mosquitos, de acordo com a imprensa local.
“Não entendíamos o que ele estava fazendo lá”, disse Kevin Joiner ao “Nine News” na quarta-feira. “Achamos que ele tivesse tido um Ano Novo agitado”, completou. O homem estava desidratado e precisava de ajuda. Os pescadores então o levaram, deram-lhe uma bermuda e uma cerveja e o transferiram para Darwin, segundo Joiner.
No hospital, o indivíduo foi preso por descumprir o controle judicial em um caso de assalto à mão armada. Os dois pescadores ficaram surpresos ao saber, já que o homem lhes disse que se perdera enquanto caminhava pela área. “Descobrimos quando íamos visitá-lo no hospital”, contou Cam Faust.
Len Turner, um oficial da polícia do Território do Norte, confirmou à imprensa que o homem está sendo julgado em vários casos. “Ele está preso, mas ainda se encontra no Hospital Royal de Darwin, onde está sendo tratado pela dura experiência que se impôs”, disse Turner à NT News.