Do Metrópoles

Fundador do WikiLeaks, Julian Assange (foto em destaque) vai se casar na prisão nesta quarta-feira (23/3). Assange e a advogada Stella Moris ficaram noivos em novembro de 2021, após anos de relacionamento. Ele está preso em Londres, na Inglaterra, desde 2019.

“Julian Assange e Stella Moris vão se casar na prisão Belmarsh cercados por apenas amigos e familiares na quarta-feira. O noivado foi anunciado em novembro de 2021 e, ao longo de meses de idas e vindas com o governo e as autoridades de administração penitenciária, eles recebeu permissão casar dentro da prisão”, informou o comunicado divulgado pelo WikiLeaks nessa terça.

Um guarda prisional atuará como fotógrafo de casamento quando Julian Assange se casar com Stella Moris na frente de apenas quatro convidados durante a cerimônia.

Julian Assange é australiano e fundador da página WikiLeaks. Ele é acusado de divulgar, entre os anos de 2010 e 2011, cerca de 250 mil mensagens diplomáticas e mais de 500 mil documentos confidenciais dos Estados Unidos sobre a atuação do país no Iraque e no Afeganistão.

Julian Assange é australiano e fundador da página WikiLeaks. Ele é acusado de divulgar, entre os anos de 2010 e 2011, cerca de 250 mil mensagens diplomáticas e mais de 500 mil documentos confidenciais dos Estados Unidos sobre a atuação do país no Iraque e no Afeganistão.

Veja também:   "Gabi da Pele Preta" lança EP Gabi da Pele Preta