Do Diario de Pernambuco 

A Indonésia superou, nesta segunda-feira (21), os dois milhões de casos de coronavírus, enquanto este país do sudeste da Ásia sofre uma nova onda de contágios e seus hospitais estão prestes a transbordar.

O número de novos casos diários dobrou nas últimas semanas e a presença da variante Delta, surgida na Índia, foi confirmada pelas autoridades.
O país registrou nesta segunda-feira mais de 14.500 contágios de Covid-19, um recorde diário desde janeiro. No total, a Indonésia registra dois milhões de casos e cerca de 55.000 mortes, para um país de 270 milhões de habitantes.
Esses números são considerados amplamente subestimados, e alguns especialistas consideram que o número de casos oficiais representa somente 10% dos casos reais.
A nova onda de contaminações é atribuída às viagens de milhões de indonésios no país para se reunirem com seus familiares no final do Ramadã, apesar da proibição desta grande migração anual.
Na capital Jacarta e nas áreas mais afetadas, o índice de ocupação dos hospitais é de mais de 75%, enquanto o número de enterros registra um forte aumento.
A Indonésia, que quer vacinar mais de 180 milhões de adultos este ano, tenta acelerar seu ritmo de vacinação. Até agora, somente 7% da população recebeu ao menos uma dose, segundo os últimos dados oficiais.
Veja também:   MPPE assegura direito de Vandinho da Saúde e derruba abuso de poder