Instagram anuncia "botão antiassédio"

Foto: Reprodução/Internet

Por Folha de Pernambuco

Para combater o assédio cibernético entre os jovens na França, o Instagram anunciou nesta quinta-feira (9) a criação de um “botão de segurança” que permite ligar diretamente para uma linha de emergência, uma novidade mundial.

Qualquer pessoa que denuncie assédio terá acesso a um botão de chamada telefônica que será colocado em contato com psicólogos e advogados no 3018, número nacional de atendimento às vítimas de violência digital.

Para a associação privada e-Enfance, promotora da iniciativa, o botão de linha direta, que conecta ao 3018 sem precisar sair do aplicativo, é um instrumento eficaz e esperado há muito tempo.

Veja também:   Toneladas de chocolate bloqueiam rodovia

“Estamos há anos pedindo um botão de segurança. Também pedimos um em nível europeu”, disse a diretora-geral da e-Enfance, Justine Atlan.

“Levou um pouco de tempo para sermos compreendidos, mas estamos satisfeitos que o acesso direto tenha sido integrado”, completou Justine Atlan.

O TikTok, uma rede muito popular entre os jovens, não criará um botão de chamada direta, mas quem denunciar um caso receberá um link para o site do serviço 3018.

Quase 25% das famílias francesas já enfrentaram o problema de assédio virtual contra um menor de idade, segundo pesquisa recente realizada para a e-Enfance: 15% dos alunos do ensino fundamental e entre 25% e 27% dos alunos do ensino médio disseram ter passado por isso.

Veja também:   Guedes é criticado por culpar os pobres pela destruição

Para enfrentar as características, o governo francês apresentou, no final de setembro, uma série de medidas que vão da denúncia sistemática de casos à Justiça ao desejo de excluir estudantes assentadores das redes sociais.