Foto e vídeo enviados por Fernanda Mourato

Publicado às 14h15 desta quarta-feira (27)

Uma serra-talhadense, filha de motorista e uma costureira, se tornou um exemplo de sonho realizado para todos. Foram 9 anos de dedicação e tentativas de aprovação no curso de Medicina. Até que, diante de um período de pandemia, chegou o tão sonhado dia de Elba Fernanda Mourato, 25 anos, que recebeu o resultado da aprovação nessa segunda-feira (25).

Em entrevista ao Farol de Notícias, Fernanda emocionada e grata, relatou que sua aprovação veio quando menos esperava na Faculdade Pernambucana de Saúde (FPS), uma instituição privada com sede em Recife, com bolsa de 100% pelo Prouni através da nota do Enem 2019. Ela começa o curso em agosto.

”Eu me inscrevi no Prouni e quando o resultado saiu meu nome apareceu em 4º lugar e só tinham duas vagas. Para minha surpresa, houve problema na documentação dos classificados, eles colocaram que eram cotistas, mas não eram, então uma vaga ficou para mim.”

SAIU DA ESCOLA PÚBLICA

A serra-talhadense sempre estudou em escola pública, mesmo tendo o sonho de estudar em escola particular. Cursou o Ensino Fundamental na Escola Antônio Timóteo e se formou em 2012 na Escola de Referência em Ensino Médio Professor Adalto Carvalho (EREMPAC).

Fernanda Mourato também falou do desejo da especialização em geriatria desde quando começou estudar para a aprovação em medicina.

”Esse trabalho que faço com o projeto “Idosos de Vida” me ajudou muito porque sempre quis ser geriatra. Quero me dedicar por inteiro ao idoso, e não é apenas porque acho bonitinho. Eu cuidava da minha avó antes de vir para o Recife. Trocava fralda, dava banho, fiquei mais de 40 dias com ela internada, lidei com variações de humor e depressão. Então é uma escolha de quem realmente conhece a realidade do idoso. Eu vivi isso”, finalizou Fernanda Mourato.