Mães inscritas no Bolsa Família recebem adicional de R$ 300 em maio
Beneficiários do Bolsa Família terão valor reduzido em abril? Descubra os detalhes (Imagem: Jeane de Oliveira/FDR)

Por FDR Notícias

Atualmente, as mulheres inscritas no programa social e que são mães têm direito a uma série de adicionais. Para as que moram no estado de Pernambuco, é possível receber um extra de R$ 300 por meio do programa. Para tal, é preciso que elas mantenham o Cadastro Único atualizado.

Também é necessário seguir outras regras estipuladas pelo governo do estado. Isso porque o recurso adicional será limitado.

Receba as manchetes do Farol de Notícias em primeira mão pelo WhatsApp (clique aqui)

O pagamento será efetuado para as mulheres que estão gestantes ou são mãe ou responsável por criança de 0 a 6 anos. Além disso, elas também não podem ter vínculo empregatício formal.

Veja também:   Veja quem pode RECEBER o PIS em 2024

O Governo Federal também realiza uma série de pagamentos extras para algumas famílias. Com diferentes regras e valores, os benefícios adicionais são creditados mensalmente na conta da poupança social do Caixa Tem. Para realizar a movimentação financeira é preciso realizar o download do app que está disponível neste link.

Os principais fatos de Serra Talhada e região no Farol de Notícias pelo Instagram (clique aqui)

Veja a lista completa de benefícios adicionais do Bolsa Família:

  • Benefício de Renda de Cidadania: adiciona R$ 142 por membro da unidade familiar;
  • Benefício Complementar: complementa o pagamento de famílias cuja soma dos benefícios não atinja o valor de R$ 600;
  • Benefício Primeira Infância: libera R$ 150 mensais para cada criança de zero a sete anos;
  • Benefício Variável Familiar: paga uma parcela extra mensal de R$ 50 para gestantes e jovens de 7 a 18 anos;
  • Benefício Variável Familiar Nutriz: paga um extra de R$ 50 para cada integrante com até sete meses de idade;
  • Benefício Extraordinário de Transição: disponível até maio de 2025. Garante que nenhum beneficiário receba quantidade inferior à concedida no Auxílio Brasil.
Veja também:   Bolsa do povo paga R$540 para pessoas baixa renda