Tragédia ocorreu no Morada dos Navegantes, no Recife

Do Folha PE

Morreu, na madrugada desta quarta-feira (13), Lizia Regina de Albuquerque Melo, de 50 anos. Ela estava internada no Complexo Hospitalar da Unimed, no Recife, desde a última sexta-feira (8), quando foi baleada pelo ex-companheiro Emerson Alexandre Raulino, de 50 anos, no prédio onde morava, no bairro de Boa Viagem, Zona Sul da capital pernambucana.

A informação da morte de Lizia Regina foi confirmada pela Polícia Civil de Pernambuco. A corporação também afirmou que segue com as investigações do episódio em andamento.

O corpo da mulher será encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) do Recife, localizado no bairro de Santo Amaro.

Lizia e Emerson eram casados há cerca de cinco anos, mas se separaram. Informações preliminares da Polícia Civil apontam que o autor dos disparos não aceitava o fim do relacionamento.

Veja também:   Confira a previsão de hoje (17/08) para seu signo

Na manhã de sexta-feira, Emerson Raulino invadiu o Morada dos Navegantes, condomínio de luxo no bairro de Boa Viagem. Ele atirou contra a ex, Lizia Regina, a filha dela, Mayara Lícia Melo de Oliveira Britto, de 20 anos, e no namorado da jovem, Breno Filipe Sales, de 28 anos. Atingido no peito, Breno morreu.

O crime ocorreu no hall do quarto andar do prédio. Relatos de moradores apontam que Emerson Raulino estava proibido de entrar no local. Após atirar contra os três moradores do local, o assassino atirou contra si mesmo e morreu.

Breno chegou a ser socorrido para o Hospital da Restauração, no bairro do Derby, área central do Recife. Ele, no entanto, não resistiu aos ferimentos e morreu menos de uma hora após ser admitido na unidade de saúde. Mayara Lícia segue internada no mesmo hospital onde estava a mãe – não há informações sobre o estado de saúde dela.

Veja também:   Nota Fiscal Paulista libera R$ 35,6 milhões; veja como resgatar