Motociclista colide com cavalo em ST e escapa da morteImagem ilustrativa

O eletricista de linhas de rede José Carlos Furtado Pinto, 34 anos, foi vítima de uma tragédia já anunciada. Na noite dessa sexta-feira (3), ele guiava a sua moto na PE-418, que liga Serra Talhada ao distrito de Santa Rita, quando de repente um cavalo cruzou a pista e acabou colidindo com seu veículo.

O acidente ocorreu por volta das 21 horas, mas felizmente o serra-talhadense sofreu apenas ferimentos leves, nas mãos e pernas.

Em conversa com o Farol, José Carlos lamentou o acidente e a destruição da moto, mas aproveitou para fazer um apelo.

Veja também:   Petista nega que vá ocupar Secretaria de Sebastião

Receba as manchetes do Farol de Notícias em primeira mão pelo WhatsApp (clique aqu

“Gostaria de pedir a prefeitura, as autoridades competentes, que resolvam esta situação de animais soltos na pista. Vamos ter que suportar isso até quando? Quando um pai de família ou uma mãe de família vir perder a vida, por irresponsabilidade dos criadores… ora, se não tiver onde criar o animal, então não crie”, desabafou o serra-talhadense, arrematando: “Ainda bem que só tive prejuízos materiais, mas se tivesse perdido a vida?”.

Veja também:   FAROL flagra colisão envolvendo 3 carros no Centro de ST nesta 4ª

Os principais fatos de Serra Talhada e região no Farol de Notícias pelo Instagram (clique aqui)

Não é primeira vez que este tipo de acidente é registrado na PE-418. Além dos animais, o acostamento da rodovia está tomada pelo matagal, e há muitos buracos. A responsabilidade da manutenção é do governo do estado. “Já aconteceu isso com mais dois amigos. A sorte é que eu vinha devagar, se viesse correndo não tinha escapado”, disse José Oliveira.