NOVOS VALORES e pagamento ANTECIPADO para o Bolsa Família estão confirmados. Boa parte dos investimentos vai para mulheres. Imagem: Jeane de Oliveira/FDR
NOVOS VALORES e pagamento ANTECIPADO para o Bolsa Família estão confirmados. Boa parte dos investimentos vai para mulheres. Imagem: Jeane de Oliveira/FDR

Por FDR Notícias

O bônus liberado para as mulheres do Bolsa Família não tem haver com os benefícios complementares, aqueles que aumentam o valor total do programa. Na verdade ele será lançado em forma de microcrédito, isto é, de um empréstimo financeiro.

Como vai funcionar o microcrédito para mulheres do Bolsa Família?

O crédito lançado para as mulheres do Bolsa Família será oferecido por meio do programa Acredita, recém anunciado pelo governo federal. Por meio dele, as pessoas serão incentivadas a investir no seu pequeno negócio, inclusive formalizando a sua atividade como autônomo.

Veja também:   Calendário bolsa família outubro: confira as datas de pagamento e se recebe o valor maior

Receba as manchetes do Farol de Notícias em primeira mão pelo WhatsApp (clique aqui)

Mas, de uma forma geral, para as mulheres que estão inscritas no Bolsa Família a ideia é que o empréstimo sirva para que possam aumentar o seu pequeno negócio.

E a partir do sucesso da sua atividade profissional consigam se tornar independentes do programa. Para bancar os R$ 500 milhões previstos no BNB será usado o Fundo de Garantias de Operações (FGO)

Os principais fatos de Serra Talhada e região no Farol de Notícias pelo Instagram (clique aqui)

Quem terá direito ao empréstimo para mulheres do Bolsa Família?

programa será lançado oficialmente em julho, e notícias oficiais sobre o seu funcionamento estão sendo anunciadas aos poucos. A princípio, o que se sabe sobre o empréstimo para mulheres do Bolsa Família é que será oferecido para:

  • Mulheres que são autônomas, ou seja, possuem alguma atividade profissional (ex.: artesãs, costureiras, cozinheiras, quituteiras, cabeleireiras, maquiadoras, manicures, e etc.);
  • Mulheres que se formalizerem pelo MEI (Micro Empreendedor Individual), ou seja, que abrirem uma pequena empresa.
Veja também:   Caixa Tem libera saque de R$ 900 ao longo desta semana

Mesmo com o MEI aberto essas mulheres não serão excluídas do Bolsa Família.