Ônibus escolar cai dentro de açude em ST e deixa vários feridos
Ônibus escolar tomba na zona rural – Foto: Reprodução / Cultura FM

Na manhã dessa segunda-feira (26) um acidente envolvendo um ônibus escolar em Serra Talhada mobilizou as equipes de saúde do Hospital Regional Professor Agamenon Magalhães (Hospam) e Hospital Eduardo Campos (HEC).

De acordo com informações, o transporte coletivo trafegava na região do Distrito de Água Branca, na zona rural da cidade, quando apresentou problemas mecânicos. O ônibus tombou e caiu dentro de um açude.

Segundo a direção do hospital regional, pelo menos oito estudantes foram socorridos para as unidades hospitalares. Sete deles encaminhados para o Eduardo Campos por uma ambulância da Secretaria de Saúde de Serra Talhada. E uma adolescente veio com a família para o Hospam.

Veja também:   Confira a previsão de hoje (20/02) para seu signo

Receba as manchetes do Farol de Notícias em primeira mão pelo WhatsApp (clique aqui)

“Quando soubemos do acidente mobilizamos toda a nossa equipe de emergência. Uma das vítimas veio de carro próprio para o hospital, e até onde sabemos todos estão conscientes e orientados. Tiveram ferimentos leves e estão passando por protocolos de exames”, comunicou Leonardo Carvalho, diretor do Hospam.

O Hospital Eduardo Campos também informou que pelo menos cinco adolescentes chegaram a unidade estão aparentemente, conscientes e estáveis. Deverão passar por exames de imagem para descartar fraturas. O Corpo de Bombeiros deverá encaminhar mais vítimas.

Veja também:   Suspeito de atentado em ST tem prisão preventiva decretada

A reportagem do Farol de Notícias também conversou com o secretário de Educação, Edmar Júnior, que esclareceu que o transporte escolar pertence a Rede Estadual de Educação, e transportava estudantes do Ensino Médio de escolas locais. Edmar esteve no Hospam e se mostrou solidário ao caso, ratificando que serve de alerta para todos.

“Hoje realmente acordamos com essa notícia, esse fato lamentável. Agradecemos a Deus, primeiramente, por o acidente não ter sido mais grave, mas serve de alerta. O transporte que houve o incidente é das redes estaduais, é independente do transporte do município. Mas somos solidários, e tomamos como exemplo para que tenhamos mais cuidado. Estive com uma das crianças há pouco, e as demais vítimas foram para o Eduardo Campos”, afirmou o gestor.

Veja também:   Mãe e três filhos morrem em incêndio em galpões em SP

Em breve mais informações!