Para vencer o desemprego, serra-talhadense inventa o 'hamburguer-móvel'

Todos os dias o serra-talhadense Genivaldo do Hamburguer, 35 anos; sai de casa pontualmente às 6 horas e ganha às ruas em busca do pão de cada dia. Para vencer o desemprego, ele inventou uma geringonça que chama a atenção por onde passa: transformou a sua bicicleta numa espécie de ‘lanchonete em duas rodas’.

“Há três anos estou nesta pisada e sou conhecido como Genivaldo do Hambúrguer. Só tem eu nesse negócio. Estava desesperado e parti para vender no trânsito. Trabalho até o meio dia e dá para vender de 20 a 25 hambúrgueres por dia. Dá pra se virar”, revelou Genivaldo, em conversa com o FAROL. Orgulhoso, o serra-talhadense é sempre simpático e ainda prega a palavra de Deus entre um hambúrguer e outro. As imagens são de Alejandro García.

Veja também:   Sarampo avança no Brasil, e medo do covid dificulta vacinação

Para vencer o desemprego, serra-talhadense inventa o 'hamburguer-móvel'

Para vencer o desemprego, serra-talhadense inventa o 'hamburguer-móvel'

Para vencer o desemprego, serra-talhadense inventa o 'hamburguer-móvel'