Publicado às 17h54 desta segunda (17)

Em conversa com o Farol, nesta segunda-feira (17), a Polícia Civil de Pernambuco comentou sobre a linha de investigação que poderia ter motivado o atentado a tiros ocorrido na noite desse domingo (16) no bairro Vila Bela, em Serra Talhada. O alvo dos disparos foi um jovem de 23 anos que estava sentado na calçada da sua casa quando dois homens, em um veículo de cor preta, chegaram atirando [veja aqui].

Um dos autores foi preso pela Polícia Militar. “Ele foi autuado em flagrante e apresentado para audiência de custódia”, comentou o delegado regional Marcos Virgínio em conversa breve com o Farol. O chefe de polícia disse que não poderia passar maiores detalhes sobre o caso para não atrapalhar as investigações, no entanto, adiantou que os primeiros indícios são de que o crime ocorreu por um acerto de contas.

Apesar dos tiros, o jovem alvo dos disparos não teve ferimentos. O curioso é que o carro em que os suspeitos estavam enguiçou durante a fuga bem próximo ao local do atentado, facilitando a captura pela polícia. Um dos suspeitos conseguiu escapar entrando na mata. O outro, de 46 anos, pegou um mototáxi que passava na hora, e acabou sendo detido. A audiência de custódia dele deverá ocorrer ainda hoje.