Publicado às 04h39 desta sexta-feira (3)

Do Blog Sertão Central

Uma menor de idade foi apontada como sendo a infratora de um ato criminoso, mas raramente solucionado, com a criação de um perfil falso nas redes sociais.

Utilizando esse perfil virtual, ela é acusada de ter praticado o ato infracional de difamação contra outra menor de idade, da mesma cidade (Verdejante-PE).

Policias da Delegacia de Verdejante, no Sertão Central, após utilizarem de treinamento especializado, não só descobriram a motivação para a prática do ato infracional, bem como o dia, hora, local operadora telefônica, coordenadas geográficas e demais dados da pessoa que criou o perfil fake. A Polícia de Verdejante busca coibir a pratica de um crime que inteligentemente tem se tornado comum, como também se tornado gatilho para depressão e suicídio.

Veja também:   Preconceito afeta produção de dados sobre LGBTI+