augusto cesarMesmo defendendo uma aliança com o Partido dos Trabalhadores (PT) na disputa eleitoral deste ano, em torno da pré-candidatura do senador Armando Monteiro ao governo do Estado, o deputado Augusto César  (PTB) disse que não quer aproximação com o governo do PT em Serra Talhada. Ele descartou qualquer possibilidade do partido assumir uma secretaria no governo Duque.

Durante entrevista a Rádio A Voz do Sertão AM, neste sábado (12), Augusto César fez críticas ao modelo de gestão petista e cobrou do prefeito um diálogo com os professores que estão em ‘pé de guerra’ com Luciano Duque.

“Eu acho que a gestão do prefeito Luciano Duque precisa melhorar muito. Analise que tem uma greve iminente de professores e a gente tem acompanhado- a imprensa informando- que os canais de conversa estão fechados. Tem que ter um canal aberto para o entendimento e para esta conversa”, disse o deputado, arrematando:

Veja também:   Loja da Havan pega fogo em Vitória da Conquista

“O que a gente sabe é que os projetos não andam. Se anuncia milhões de reais para creche, milhões de reais para asfalto, o próprio FEM do governo do Estado, mas as ações são muito acanhadas no sentido de agilidade de formação e conclusão”.

Ainda durante a entrevista, Augusto César também analisou os problemas existentes em torno das obras de pavimentação do bairro Ipsep. “É lamentável a situação do bairro Ipsep aonde colocaram lá uma lama asfáltica e o prejuízo foi grande. Eu acho que poderia ser um serviço de melhor qualidade”.

Veja também:   NOVOS TEMPOS: Duque deve aumentar vantagem na CMST com apoio do PTB

CRÍTICAS AO ANEL VIÁRIO

Mesmo garantindo que deseja que o prefeito Luciano Duque acerte, Augusto César criticou a resolução de projetos que foram anunciados e não saíram do papel. E citou o exemplo do anel viário.

“O prefeito diz que  vai botar a máquina pra moer. Agora, ou estar moendo para trás ou está muito lenta. Ele tem que ‘azeitar’ . O exemplo é o tal do anel viário que foi anunciado. Desde da época do ex-prefeito Carlos Evandro ainda não consegui ver este anel. Se está na loja ou por onde este anel vai sair”, ironizou César, acrescentando:

Veja também:   Processo seletivo para vagas de emprego

“É muito difícil você ver aquilo que está sendo feito. Vem liga passa uma patrol e no outro dia o mato está comendo. O que é este anel viário que até agora a população fica perguntando? Eu gostaria que o prefeito acertasse porque Serra Talhada  precisa crescer”.

O deputado petebista também criticou a falta de sintonia do governo petista. “Em um ano um governo que já mudou oito ou nove secretários? É um desacerto. E torço que o governo dele dê certo. Já disse pessoalmente a ele (Duque ) que estou disposto a ajuda-lo desde que modifique o sistema deste governo que está aí”, finalizou.