Do G1

Em uma escola de ensino médio da Califórnia, nos Estados Unidos, o professor de música Marston Riley, de 64 anos, socou um aluno, de 14, na última sexta-feira (2). A emissora CNN divulgou o vídeo que mostra trechos na briga, ocorrida dentro da sala de aula, em frente aos demais estudantes da turma.

Jovens da Maywood Academy High School relataram à imprensa estrangeira que o conflito começou quando o docente pediu para que o aluno se retirasse, já que não trajava o uniforme escolar apropriado. Ele teria se recusado a sair da sala e, em seguida, proferido uma série de ofensas raciais para atingir o professor, que é negro.

Diante disso, Riley agrediu o aluno fisicamente. Alguns colegas tentaram apartar a briga, mas não conseguiram conter o docente e impedir os diversos socos.

O aluno foi levado ao hospital com ferimentos leves e posteriormente liberado. Já o professor foi preso por abuso à criança e solto no dia seguinte. O julgamento está marcado para o dia 30 de novembro.

Em nota, o distrito onde se localiza a escola americana afirmou que “lamenta o ocorrido” e que “é contrário à violência e à intolerância”.