Publicado às 14h desta terça-feira (27)

Em 2020 a pandemia estava chegando ao Brasil e logo tomou uma proporção imensa, a insegurança entre a população só aumentava, não tinha vacina e a situação estava fora do controle, foi mesmo nesse período que a professora da rede municipal de Serra Talhada, Maria de Fátima Silva Oliveira, 50 anos, contraiu a doença junto de seu filho. Foram momentos de muita aflição e algumas complicações, ela externalizou todo o seu sentimento e uma poesia e em seguida ganhou sua voz em um vídeo emocionante.

A ALESPE (Academia de Letras do Sertão Pernambucano) pediu para que Fátima fizesse uma poesia para ser publicada em uma antologia de poesia, foi quando nasceu o poema “Aconteceu comigo”.

Em 2021, depois de ter sido publicado, o integrante da Academia de Letras de Afogados da Ingazeira pediu um vídeo com Fátima recitando poesia, foi quando ela gravou o áudio para Antônio Carneiro, que produziu o vídeo.

“Na verdade o vídeo nasceu de uma poesia que eu fiz para a primeira antologia de poesias da ALESPE em 2020, usando eu fiquei curada da covid-19. Foi uma poesia publicada no livro da ALESPE, motivada pela cura da covid-19 e os sentimentos que estava sentindo. Quando foi agora no início de 2021, um integrante da ALESPE e também da Academia de Letras de Afogados da Ingazeira, Antônio Carneiro, mais conhecido como Viola, me pediu para fazer um vídeo para passar no I Café Literário da Academia de Letras de Afogados, não puder gravar o vídeo, então gravei o áudio e enviei para ele, que fez a produção desse vídeo com o meu áudio dando esse testemunho na poesia que eu fiz para o livro da ALESPE. Depois que o vídeo foi postado as pessoas começaram a curtir e eu comecei a ver a essência do vídeo”, detalhou, acrescentando logo em seguida.

Veja também:   Em agenda em Serra Talhada, Anderson Ferreira detona Paulo Câmara e exalta Bolsonaro

“Estar curada me trouxe liberdade, renovação, uma nova criatura, o medo é muito grande, comigo foi mais difícil, eu fiquei muito apreensiva diante da situação. A própria doença leva a gente a um quadro depressivo muito forte, só sabe quem passa e quando você se liberta, algo novo renasce, sou uma nova pessoa, eu realmente mudei muito, meu coração, minha forma de agir mudou muito após a recuperação da covid. Estou dando mais atenção as pessoas, a mim mesmo, a vida ficou mais bela. A repercussão do vídeo foi muito boa, as pessoas que não sabiam que eu tinha tido a covid deram graças a Deus por eu estar bem”.