O passe do prefeito Carlos Evandro (sem partido) nunca teve tão valorizado. Após o presidente do Partido Social Democrático (PSD), ex-deputado André de Paula, ter feito vários elogios a ‘Carlão’ e garantir que vai filiá-lo à legenda, agora é o Partido dos Trabalhadores (PT) entra na briga, oficialmente, pela sua filiação. Durante entrevista a uma emissora de rádio, nessa quinta-feira (29), o deputado Pedro Eugênio, presidente estadual do PT, garantiu que já fez o convite para Evandro ingressar nos quadros petistas.

“Vou ter o maior orgulho de abonar a ficha de filiação do prefeito Carlos Evandro. Já conversamos sobre o assunto e acho que é o caminho natural do prefeito”, disse Eugênio, fazendo uma ponderação: “Mas vou respeitar o tempo dele (Carlos) porque é um político experiente e vitorioso”.

A luta do PT pela filiação do prefeito de Serra Talhada não está em consonância com o estilo do gestor. “Carlão” já anunciou que deseja ingressar numa legenda para comandar e não para ser comandado. Esta característica vai de encontro a estrutura orgânica dos petistas. O PT, hoje, é um partido dividido em facções e tendências que se digladiam entre si em busca de espaço e poder.

Na prática, o prefeito pode não ter tranquilidade para assimilar tanta divisão interna. “Por enquanto não vou decidir nada. A partir de janeiro vou começar a pensar neste assunto”, avisa Carlos Evandro.

Veja também:   Pesquisa revela Marília na dianteira e 2º lugar 'embolado'