Do g1

 Foto: Reuters TV

A Rússia expulsará 24 diplomatas italianos e outros 27 espanhóis em uma medida de retaliação, segundo a agência de notícias RIA, citando o Ministério das Relações Exteriores nesta quarta-feira (18).

A decisão é parte de uma resposta aos países que se posicionaram abertamente contra Moscou.

A decisão da Rússia de expulsar diplomatas italianos é um “ato hostil”, disse o primeiro-ministro Mario Draghi nesta quarta-feira, alertando que os canais diplomáticos com Moscou não devem ser interrompidos.

“Isso absolutamente não deve levar a uma interrupção dos canais diplomáticos, porque é através desses canais que, se conseguirmos, a paz será alcançada e isso é certamente o que queremos”, disse Draghi.

Veja também:   Polícia turca prende mais de 200 pessoas em marcha LGBTI+