SEBASTIÃO+OLIVEIRA+05[1]O líder da oposição em Serra Talhada, deputado Sebastião Oliveira (PR), que também é médico por formação, criticou com veemência o ato praticado pela Secretaria de Saúde, que nessa quarta-feira (12) realizou o transporte de filtros de água potável num caminhão do Centro de Zoonoses que faz apreensão de animais doentes.

O flagrante foi feito por um leitor do FAROL, mas o secretário de Saúde, Luiz Aureliano, minimizou o fato afirmando que “tudo era normal”. O deputado republicano tachou a postura do secretário de irresponsabilidade e despreparado.

Veja também:   FOTO NOTÍCIA: ST rende homenagens e dá adeus a João Martins; multidão vai às ruas

“Ora, todas as vezes que o caminhão faz o transporte de animais ficam dejetos e os parasitas dos animais permanecem no local. Não é uma simples lavagem com uma mangueira que vai retirar pulgas e carrapatos que se alojaram na carroceria do veículo. O correto seria uma lavagem com jato à pressão com ozônio. O mesmo procedimento, por exemplo, que é feito com o trato do lixo hospitalar”, disse Sebastião Oliveira, arrematando:

“Transportar os filtros no caminhão foi um ato irresponsável porque corre o risco dos parasitas se alojarem nos filtros e serem levados para dentro das casas das pessoas”.

Veja também:   Elon Musk chega à sede do Twitter com uma pia e faz trocadilho

ATO TEM QUE SER PUNIDO

Mostrando preocupação com o descuido da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Sebastião Oliveira afirmou que já orientou a bancada de oposição na Câmara de Vereadores a tomar atitudes para que a cena não se repita. Segundo ele, a função específica do veículo é transportar animais e houve desvio de função.

“Infelizmente não existe uma legislação específica para isso. Entretanto, a bancada de oposição já foi orientada a trabalhar na construção de uma lei que proíba e puna este tipo de abuso. Mas vamos além: esta irresponsabilidade precisa ser denunciada ao Ministério Público, a Adagro e a Vigilância Sanitária. Este ato irresponsável não pode se repetir”, finalizou Oliveira.

Veja também:   Márcia participa do Seminário Pernambuco em Desenvolvimento