Uma das primeiras promessas não cumpridas do governo Carlos Evandro ainda hoje é mote de piada na Capital do Xaxado. O tão anunciado portal da cidade – que deveria ser construído com o intuito de deixá-la mais atrativa para o turismo – se resumiu a uma maquete, virando peça de exposição da Casa do Artesão, na praça Agamenon Magalhães.

Em 2004, o governo ainda ousou expor a maquete durante os festejos juninos. A idéia era colocar dois portais na BR- 232, no valor de R$ 120 mil. “É claro que estou frustado com essa história.  A promessa era que tudo estaria pronto em dois meses”, disse Paulo Rodrigues, artista plástico, e na época, Diretor de Cultura do governo Carlos Evandro. Rodrigues ficou apenas um ano no governo e lamenta até hoje por sua ideia ter se transformado apenas numa peça de brinquedo.

Em algumas oportunidades, o prefeito Carlos Evandro chegou a declarar a inviabilidade do portal, por não poder interferir na  BR-232 – que é federal. Mas por que prometeu? Quem ainda sonha com o portal da cidade, pode visitar a Casa do Artesão e acalentar a obra de brinquedo.

Série ONDE ESTÁ A OBRA:

Falácia da faculdade de medicina fará 2 anos; descubra os ‘pinóquios’

Reforma da rodoviária se torna uma das grandes mentiras de ST

Há 2 anos, surgia a promessa de construção do Distrito Industrial

Há 5 anos, o biodiesel nascia como gerador de empregos (de mentira) em ST

ST perde sede do Corpo de Bombeiros; saiba quem prometeu!

O fiasco do Ano das Praças: Quem prometeu revolucionar a paisagem de ST?

Veja também:   Foragido do Recife é preso após participar de homicídio no Pajeú