Sport perde para o Vitória por 2x1 e deixa G4 da Série B do Brasileiro

Foto: Igor Cysneiros/SCR

Por Folha de Pernambuco 

Expectativa: retomar a liderança. Realidade: saída do G4. Nesta quarta (19), na Ilha do Retiro, o Sport foi derrotado pelo Vitória por 2×1, pela Série B do Campeonato Brasileiro. Resultado que jogou os pernambucanos para a quinta posição, com 32 pontos, e alavancou os baianos para a zona de classificação à Série A, justamente como líder, com 34.

Wagner Leonardo e Luciano Juba protagonizaram as melhores “defesas” do primeiro tempo, quando os goleiros Lucas Arcanjo e Renan, respectivamente, já estavam batidos nos lances.

O defensor do time baiano salvou quase em cima da linha após cruzamento em que o goleiro saiu mal e deixou a bola nos pés de Ewerthon. Na outra meta, foi Juba quem ficou entre a bola e o gol. Após escanteio, Renan espalmou no susto e Yan Souto ia estufando as redes, mas o camisa 46 estava bem posicionado para salvar os pernambucanos.

Veja também:   OMS diz que coronavírus pode se tornar endêmico

Vagner Love e Juba tiveram duas grandes chances na área, mas foram travados na hora da finalização. Quem ficou com espaço livre para chutar foi Ronaldo, que saiu na cara do gol, mas isolou.

Aos 48, Rafael Thyere balançou as redes, mas os pernambucanos passaram longe de comemorar o lance. O defensor tentou cortar um cruzamento de Matheus Gonçalves, mas a bola acertou a trave e depois ficou no fundo das redes. Gol contra que deixou os baianos em vantagem.

Não foi somente Thyere quem lamentou um gol contra. Após escanteio cobrado por Edinho, Camutanga desviou e empatou o duelo para o Sport. Quando os mandantes se preparavam para iniciar a busca pela virada, novo revés: Zé Hugo aproveitou sobra de cruzamento e chutou forte para fazer 2×1, decretando a primeira derrota dos pernambucanos em casa na Série B.

Veja também:   Assaltante não perdoa nem apanhador de frete em ST

Carius novamente denunciado

O Ministério Público de Goiás denunciou mais sete jogadores pela suspeita de manipulação no futebol e um deles é novamente o lateral-esquerdo do Sport, Igor Cariús. Os demais são Alef Manga, do Coritiba, Dadá Belmonte, do América-MG, além de quatro sem clube: Jesus Trindade, Pedrinho, Sidcley e Thonny Anderson.

Ficha técnica

Sport 1

Renan; Ewerthon, Rafael Thyere, Sabino e Igor Cariús (Felipinho); Ronaldo Henrique (Wanderson), Fábio Matheus, Edinho (Gabriel Santos) e Labandeira (Alan Ruiz); Luciano Juba (Juan Xavier) e Vagner Love. Técnico: Enderson Moreira

Veja também:   'Em 15 dias podemos estar numa situação bem crítica', diz Lisbeth

Vitória 2

Lucas Arcanjo; Railan (Matheuzinho), Camutanga, Yan, Wagner Leonardo e Felipe Vieira; Dudu (Jhonny), Gegê, Osvaldo (Léo Gamalho) e Mateus Gonçalves (Zé Hugo); Wellington Nem (Giovanni Augusto). Técnico: Léo Condé.

Local: Ilha do Retiro (Recife/PE)
Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira (SP). Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse e Luiz Alberto Andrini Nogueira (ambos de SP)
Gols: Rafael Thyere (contra, aos 48 do 1ºT), Camutanga (contra, aos 5 do 2ºT), Zé Hugo (aos 21 do 2ºT)
Cartões amarelos: Igor Carius (S); Railan, Felipe Vieira, Camutanga, Zé Hugo (V)
Público: 16.847 torcedores
Renda: R$ 279.875,00