Nova denúncia de agressão por PMs em ST

Publicado às 04h52 desta terça-feira (7)

Uma doméstica moradora do bairro Borborema buscou a redação do Farol de Noticias para denunciar uma ação truculenta de policiais militares de Serra Talhada. Jaqueline dos Santos, 24 anos, relatou ter sido agredida juntamente com sua filha, uma bebê de 1 anos e 11 meses, após tentar defender um amigo.

Jaqueline conta que por voltas das 23h do último domingo (5) estava em sua casa quando pediu para um amigo buscar cervejas na casa do vizinho e neste momento quatro policiais militares abordaram o rapaz e solicitaram que ele fosse para um local menos iluminado. Após isso, os PMs começaram a xingar o jovem.

Veja também:   Duque diz que conta com ajuda de empresários

“Quando xingaram ele, ele disse que os policiais não deveriam fazer isso pois não estava fazendo nada. Aí eles [policiais] deram um empurrão nele, deram chute nas costelas e murros na testa. Quando vi, eu perguntei porque estavam fazendo isso. Aí me mandaram calar a boca  e tacaram spray de pimenta e eu estava com minha menina” disse Jaqueline.

Segundo a dona de casa, dos 4 policiais, apenas dois praticaram a agressão contra ela, sua filha e a seu amigo. Ela conta que eles ainda tentaram agredir mais uma vez o jovem dentro da delegacia, mas pararam quando perceberam que estavam sendo filmados. A filha de Jaqueline ficou com os olhos e boca inchados, mas não corre nenhum risco.

Veja também:   Gilmar Mendes vai relatar habeas corpus coletivo

O OUTRO LADO

A reportagem entrou em contato com departamento de Comunicação da Polícia Militar que emitiu uma curta nota abaixo: Confira

Nota da Polícia Militar

A Polícia Militar informa, através do 14º BPM, que registrou uma ocorrência de via de fato, racismo, preconceito e discriminação, na madrugada desta segunda-feira (06), em Serra Talhada, a qual, pela proximidade do local e horário, pode ter sido a relatada na denúncia.

As partes envolvidas foram apresentadas na Delegacia de Plantão, em Serra Talhada, para serem tomadas as medidas cabíveis. Conforme o Boletim de Ocorrência não houve registro de agressão por parte da equipe policial e nenhum uso de spray de pimenta.

Veja também:   Festa dos Estudantes e Nazaré atraem turistas

Nova denúncia de agressão por PMs em ST