Turistas são arrastados por ondas na Praia do Diabo

Foto: Reprodução/Tik Tok

Por Folha de Pernambuco

Duas pessoas foram arrastadas por ondas na Praia do Diabo, no ArpoadorZona Sul do Rio, ao fazerem selfies numa pedra em dia de ressaca, neste domingo. Os turistas, de Petrópolis, na Região Serrana, foram salvos por guardas do GMar, do Posto 7.

Em nota, a assessoria de imprensa dos bombeiros confirmou o caso e informou que uma das pessoas foi encaminhada ao Hospital municipal Miguel Couto, no Leblon, Zona Sul:

Veja também:   Mal-estar com a China ocupa cabeça do governo Bolsonaro

“Ontem, por volta de 14h50, bombeiros do GMar foram acionados para salvamento marítimo na Praia do Diabo. Duas vítimas foram retiradas do mar: masculino adulto, retirado e liberado no local, e uma feminina adulta, encaminhada para o Hospital Miguel Couto”.

Um perfil de rede social dedicado a atualizações sobre ondas nas praias do Rio, Resenha das Ondas, compartilhou os vídeos:

“Rapaziada, vamos ser mais responsáveis e prudentes. Ontem, o mar ainda estava muito forte, com correntezas e batendo muito em lugares de pedras! Turistas de Petrópolis foram fazer selfies e foram varridos da pedra. A onda bateu e arrastou os dois para o mar. Foram salvos pelo Cabo Peixoto e pelo Cabo Anjos, do GMar. Em um dia chuvoso e nublado de domingo, uma simples viagem de turismo, poderia se tornar em uma tragédia para as famílias!”

Veja também:   Vídeo xenofóbico contra nordestinos causa revolta

Domingo de tempo fechado
O primeiro domingo de outubro teve céu encoberto pela manhã, com registros de pancadas de chuva, de fracas a moderadas, em todas as regiões da cidade do Rio de Janeiro. Segundo o Sistema Alerta Rio, os ventos ao longo do dia foram moderados, com ocasionais rajadas fortes.

A chuva esteve presente em todo o município até o final do dia. A previsão para os próximos quatro dias da semana é de nebulosidade, com chuva. Além disso, o Rio entrou em estágio de mobilização, por existir a possibilidade de ocorrências de alto impacto, como deslizamentos e registros de bolsões d’água e alagamentos.

Veja também:   Fim de semana em clima de prévia de Carnaval em ST