Vandinho rebate acusações de China: 'Meça as suas palavras'

A relação política entre os vereadores China Menezes Vandinho da Saúde, líder da oposição, azedou de vez. Ontem (sábado) no Programa do Farol, na TV Farol, Menezes, um ferrenho defensor do governo Márcia Conrado, criticou o colega pelas últimas denúncias apresentadas.

China também retrucou a postura de Vandinho afirmando que em seus discursos na tribuna não tem agido com ‘boa fé’. E garantiu a idoneidade do governo dizendo que coloca a “mão no fogo pela prefeita Márcia Conrado.

Mas a resposta veio à galope. Na noite desse sábado, Vandinho da Saúde entrou em contato com a redação do Farol e desafiou o colega a provar que suas denúncias são mentirosas.

“Quero comentar as duras acusações do nobre vereador China Menezes. Primeiro, quero dizer que não estou desesperado, mas cumprindo o meu papel como parlamentar e aquilo que me foi confiado por 1.110 eleitores que depositaram sua confiança, em 2020, para representa-los na Câmara de Vereadores. Segundo, quero dizer ao nobre vereador que não uso de má fé como ele afirmou. Isso é uma tremenda mentira. Eu estou mostrando a sociedade, porque tudo que falo está no portal da transparência. Eu falo o que a sociedade não tem acesso. Se usar de má fé, for continuar transmitindo a verdade, então vou continuar usando de má fé. Estou falando da má administração com o dinheiro público, dos recursos públicos mal investidos em nossa cidade, vou continuar usando de má fé.

Veja também:   Deputado quer cassação de vereadora que criticou nordestinos

PONTO A PONTO

Segundo Vandinho da Saúde, China e o governo petista deveriam provar que ele está mentindo e até pedirem a cassação do seu mandato, caso as denúncias forem infundadas.

Receba as manchetes do Farol de Notícias em primeira mão pelo WhatsApp (clique aqui)

“Agora vereador China, má fé é gastar R$ 24 milhões com combustível em apenas três anos de mandato. Usar de má fé é colocar combustível em carros que já foram leiloados no ano passado. Usar de má fé é colocar combustível em carros quebrados, com motor batido, na oficina. Usar de má fé é colocar óleo diesel num carro pela manhã, e a tarde colocar gasolina. Isso é usar de má fé. Abastecer 10 ou 12 ônibus em apenas um dia para ir para Recife, com pacientes do TFD, quando só se tem um ônibus. Usar de má fé é colocar R$ 920 de óleo diesel em uma kombi 1989. Isso é usar de má fé com a sociedade”, disse Vandinho, reforçando:

Veja também:   Repórter com quem Fernando Henrique teve relações decide romper silêncio

“Colocar 190 litros de combustível em um carro, quando o veiculo só suporta 70 litros no tanque. Ora, fazem três abastecimentos em um carro, em apenas dois minutos. Isso sim, é usar de má fé. Abastecer um veículo em um minuto, este veículo ir até Recife e voltar e abastecer de novo Isso é usar de má fé”.

“Quando falo nos débitos exorbitantes do governo, não é querer manchar o governo, mas mostrar a sociedade que a prefeitura está quebrada. Digo e provo. Estou falando a verdade, Quem está mentido é a Vossa Excelência, vereador China Menezes. Peço ao nobre vereador que quando for dar uma entrevista pense, para não falar bobagem e virar chacota na cidade”, apontou Vandinho, fazendo mais denúncias:

Veja também:   ST já conta com R$ 5 milhões de Marília Arraes

“O governo usa de má fé quando recolhe do servidor público e não repassa para o Sintest. É não pagar o repasse do sindicato dos agentes de saúde, é recolher de um servidor descontos dos consignados e não repassar aos bancos. Com relação aos débitos, a prefeitura deve a empresa que recolhe o lixo na cidade, às contratadas de vigilantes, enfim, usar de má fé é não pagar a uma empresa que presta serviço a secretaria de saneamento básico. Isso é o que a gestão de Serra Talhada sabe fazer. Nenhuma das denúncias que fiz foram julgadas improcedentes. Tudo que falei é verdade. Se acham que estou mentindo, cassem o meu mandato e acionem a justiça. Acho que China devera medir as palavras quando fosse dar uma entrevista, no meio de comunicação, para não virar chacota”.

Leia também:

China Menezes rebate Vandinho: ‘não age de boa fé’ e ‘está desesperado’