Após sofrer um grave acidente de moto em Serra Talhada na última terça-feira (3) próximo ao aeroporto e ser transferido para o Hospital da Restauração (HR), em Recife, o serra-talhadense Cícero Genuíno dos Santos [Relembre] não resistiu a um Traumatismo Cranioencefálico (TCE) sofrido na queda e veio a óbito nesta quinta (5). Ele colidiu com um carro.

Em conversa com o FAROL, por telefone, o necrotério do Hospital da Restauração informou que encaminhou o corpo do serra-talhadense às 11h para o IML (Instituto Médico Legal) da capital pernambucana. Na quarta (4) pela manhã, o Hospam havia providenciado a transferência da vítima em UTI aérea partindo do aeródromo municipal.

Ao FAROL, familiares de Cícero Genuíno informaram, por telefone, que um dos filhos dele também estava na moto no momento do acidente, sendo um garoto de 10 anos. O menor está internado em uma clínica particular de Serra Talhada aguardando cirurgia. Até o fechamento desta edição (18h03) o centro médico não deu detalhes do estado de saúde do menino.

Os familiares informaram ainda que Cícero Genuíno trabalhava atualmente como catador no lixão municipal, localizado às margens da PE-390 e que a moto que ele pilotava foi comprada com muito esforço com o dinheiro da coleta de resíduos.

OUTRO CASO

No início da semana, outro serra-talhadense, Leôncio de Souza, morreu também vítima de acidente de moto, dessa vez na BR-232 em Custódia. Ele foi sepultado nessa quarta (4), sob um clima de grande comoção popular [Relembre]. No balanço de 2016, o Hospam registrou ao longo do ano 1.515 atendimentos a pessoas vítimas de acidentes somente de moto [veja].

Compartilhe isto: